quarta-feira, 15 de abril de 2020

ASSALTO - Entre Ortigueira e Mauá mais uma carreta tanque roubada

Motorista de uma bitrem carregada com óleo diesel foi feito refém por ladrões de carga na Serra do Cadeado. O caminhão levado foi recuperado em Marilândia do Sul 

Um roubo de Carreta, que começou entre Ortigueira e Mauá da Serra, na BR-376, terminou com a recuperação do veículo de carga no Distrito de São José, município de Marilândia do Sul. A ocorrência começou a ser registrada, às 23 horas, quando o motorista fez contato dizendo que havia saído de São José dos Pinhais, com destino a região norte, mas na Serra do Cadeado, km 310, cerca de 10 km do pedágio, foi feito refém por bandidos, no momento em que dirigia uma carreta Tanque, da marca Iveco Stralis, branca, modelo 570s41t, bitrem, carregada com óleo diesel. Ele contou que após passar Ortigueira, notou que o caminhão foi perdendo força, apresentando, aparentemente, problema mecânico. Ao parar, com intuito de verificar o que estava ocorrendo, foi surpreendido por um indivíduo encapuzado, que estava em cima do tanque e portando uma pistola. Também havia um segundo marginal armado e encapuzado entre os semirreboques. Eles renderam o profissional do volante, colocaram uma touca em sua cabeça e o passaram para o banco de trás. Durante o percurso, notou que a carreta entrou em uma estrada de chão, onde ficaram horas. A todo momento diziam para colaborar porque só queriam a carga. Enquanto um dos meliantes cuidava do refém, os demais levaram a Iveco e também um aparelho celular, Samsung J5 e de cor preta. Após ser libertado, o motorista pediu socorro e conseguiu fazer contato com a Polícia Militar de Mauá da Serra, sendo que minutos após, em contato com a Central de monitoramento, funcionários informaram que o rastreador indicava que o caminhão estava na BR-376, Distrito de São José, no Km 275, município de Marilândia do Sul, que faz divisa com Mauá. Ao chegar no local indicado, a carreta foi encontrada abandonada, aberta, com a chave na ignição e com o tanque do semirreboque traseiro violado. Provavelmente parte da carga foi levada, não sendo possível precisar a quantidade. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Marilândia do Sul e o caso é investigado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário