sexta-feira, 11 de dezembro de 2020

Castramóvel atende cachorros abandonados de Lidianópolis

 

Cidadãos aguardam para consulta de seus animais

Cidadãos aguardam para consulta de seus animais

Uma parceria entre a Amuvi (Associação dos Municípios do Vale do Ivaí), a Prefeitura de Lidianópolis e a ONG São Francisco de Assis possibilitou, durante a semana passada, a castração de mais de 60 cachorros. O trabalho foi organizado pela ONG e ocorreu ao lado do Centro de Eventos de Lidianópolis. Para a ação, a Amuvi cedeu ao município a médica veterinária e o Castramóvel, que tem percorrido os municípios da região realizando esse trabalho; e a prefeitura entrou com o pagamento dos insumos e toda a estrutura necessária para a realização das operações.

Camila Agostinho comenta que o principal objetivo dessa ação, por parte da Amuvi, é evitar a superpopulação de animais e a castração é a medida mais eficiente a médio e longo prazo. “Além de evitar que os cachorros de rua se procriem, a castração é uma questão de saúde pública, para evitar doenças sexualmente transmissíveis entre os animais e a manifestação de vetores como carrapatos, por exemplo, e que se traduz em um benefício para toda a sociedade”, ressalta.

A presidente da ONG São Francisco de Assis, Jane Gonçalves Rossini, ressalta que os trabalhos do grupo já haviam iniciado há cerca de 4 anos, mas ocorriam de forma discreta; quando ela chegou de Curitiba, começou a ajudar na organização da ONG, para que ela fosse regulamentada. “Estamos em torno de 70 pessoas, nos organizando com toda essa papelada, e fechamos essa parceria com a prefeitura para a vinda do castramóvel, cujo objetivo é castrar os animais e conscientizar a população sobre o abandono e maus tratos. Queremos um local em que cada cidadão possa cuidar do seu animal e não deixar que eles fiquem nas ruas”, comenta.

Ela destaca que a ONG não pretende ter um local para abrigar animais, porque é dever de cada cidadão cuidar do seu animal de estimação, para que eles não fiquem nas ruas.

O prefeito de Lidianópolis, Adauto Mandu, disse que essa parceria com a Amuvi é muito importante, já que o município não tem condições financeiras de bancar sozinho um programa de castração de animais. “Também quero agradecer a parceria com a ONG São Francisco de Assis, que vai nos ajudar nesse trabalho e cuidar desses animais, onde a contrapartida do município é a compra dos insumos para essas castrações e ajudar no acompanhamento da recuperação deles”, ressaltou o prefeito. Fonte Jornal Paraná Centro

Nenhum comentário:

Postar um comentário