quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

IVAIPORÃ - Equipe ROTAM deteve mulher acusada de tráfico pela 5ª vez

 

No dia 26 de janeiro, de 2021, a Polícia Militar, de Ivaiporã, através da equipe ROTAM, registrou mais um caso de tráfico de drogas. Ao todo, foram três flagrantes de venda de drogas, em dois dias, sendo que os outros dois já foram revelados em  outra matéria do Blog do Berimbau. Neste caso em questão, por volta das 14h30min, a referida equipe ROTAM, recebeu denúncia anônima dando conta que uma moça, de 27 anos, deslocaria até o Bairro Vila Nova Porã, fornecer drogas para abastecer um ponto de tráfico de drogas. Para constatar o fato, foi intensificado o patrulhamento, até ser visualizado a denunciada, que é muito conhecida no meio policial, apontada como fornecedora de drogas, a qual já foi encaminhada por flagrante de tráfico diversas vezes, inclusive, neste dia 26 de janeiro, foi a 3ª vez dentro de apenas 40 dias. Abordada, em frente ao Centro da Juventude, ela estava com sua filha, de 08 anos, na garupa de uma moto. Na busca pessoal, com apoio de uma Policial feminina, nada de ilícito foi encontrado, porém observou-se que a criança estava com as mãos fechadas, junto ao corpo. Ao solicitar que ela abrisse, a mãe segurou as mãos da menina, retirou uma sacola branca, esmagou em sua mão e tentou arremessar, momento em que recebeu voz de prisão, porém resistiu e jogou o suposto entorpecente sobre um ônibus, dificultando a apreensão. A mulher, segundo contar no boletim, continuou resistindo e tentando fugir, utilizando força física e impedindo o algemamento, causando lesão no braço direito de um soldado. A autora, mesmo estando algemada, tentou pisotear pedaços de crack caídos ao chão. Depois de contida, foi feita uma varredura e localizados vários pedaços no chão e sobre o ônibus, totalizando, aproximadamente, 4,8 gramas, quantidade suficiente para produzir cerca de 40 pedras de 10 reais. Foi acionado o Conselho Tutelar, por conta da criança e acusada levada para a Delegacia de Polícia, juntamente com entorpecente, R$252,00 reais apreendidos em sua carteira e a motocicleta utilizada no crime, uma Honda CG, modelo 150. Ao todo, é a quinta acusação de venda de entorpecente.  Na delegacia, a mulher negou os fatos e diz que vai provar sua inocência. Com informações do Portal de noticias Blog Berimbau


Nenhum comentário:

Postar um comentário