terça-feira, 4 de maio de 2021

BORRAZÓPOLIS - Furto de aparelho de celular e dois casos de injúrias

FURTO - Em Borrazópolis, no dia 03 de maio, de 2021, na Rua Ceará, foi registrado furto de um celular. O dono do aparelho, desconfiou de um vendedor de laranjas. Ele informou que estavam em casa, apenas seus dois filhos, um deles, de 13 anos, e que chegou um homem oferecendo as frutas, momento em que o menor se recusou a comprar. Então o estranho pediu água e uma faca para descascar uma das laranjas e, posteriormente, foi embora. Ao chegar na residência, o denunciante, notou o sumiço do seu LG, modelo K-11. Como o filho disse que a única pessoa que entrou no local, era o vendedor, o qual tinha uma tatuagem no pescoço, a PM fez buscas e localizou o acusado na Rua Amazonas com a Rua Pará, mas nada de ilícito foi encontrado com ele. O homem negou, veementemente, que tenha sido autor de furto e disse ser apenas um trabalhador. INJÚRIAS - No dia 03 de maio, às 10h10min, na Rua Pará, moradora relatou que discutiu com sua vizinha, o motivo seria a construção de um muro que separa as residências. Disse que a mulher a ofendeu com palavras de baixo calão, mas a vítima não demostrou interesse em exercer seu direito de representação, dizendo que gostaria apenas de registrar o ocorrido. A acusada negou os fatos. Outros caso de injúria, ocorreu, em 03 de maio, às 14h00min, na Rua Rio de Janeiro. A vítima estava em sua casa, com sua mãe, quando uma mulher chegou e começou a ofendê-lo, dizendo que ele vivia à custa do governo, já que é funcionário público e esta afastado por uma licença referente ao covid- 19, por fazer parte do grupo de risco, e também ofendeu a mãe do solicitante com palavras de baixo calão, porém ambos optaram por não exercer o direito de representação contra a autora dos fatos. Com informações do Blog Berimbau


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário